Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto promoverá evento on-line no domingo, 25

22 - 04 - 2021- Ribeirão Preto

Ribeirão Preto Ribeirão Preto

Apresentando mais de 100 profissionais dos setores da cultura, audiovisual e comunicação, o evento Revolução Poética, promovido pela Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, vai contar com a participação de artistas e intelectuais ligados à poesia e a manifestações relacionadas ao fazer poético. 

O objetivo da Fundação é estimular a população a consumir cultura durante a pandemia da Covid-19. “Valorizar a poesia como linguagem e manifestação artística e apontar um caminho para a formação de leitores conscientes e críticos, propiciando a cultura”, comenta a presidente Fundação do Livro e Leitura, Dulce Neves. 

Com a pandemia o setor de eventos foi o primeiro a ser paralisado, e a criação do evento promovido pela Fundação passa a colaborar com a economia criativa municipal, levando o hábito da leitura e as atividades para o ambiente virtual, que faz parte do projeto 40tena Cultural. “Com isso, possibilitaremos a geração de diversos empregos, bem como oportunidades a áreas multidisciplinares que visam promover a educação e a cultura”, explica a superintendente, Viviane Mendonça. 

O evento vai ser transmitido on-line, com a mínima participação de profissionais no ambiente físico em cada noite, seguindo o protocolo de segurança, como explica a produtora Priscila Prado. “Serão apenas 20 profissionais por dia de evento no mesmo local, entre artistas, debatedores e técnicos. Os palestrantes, assim como o público, estarão em suas casas, participando e acompanhando virtualmente”. 

Entre esses profissionais, estão confirmados para participar do evento a Coletiva Sarau DisseMinas, Ni Brisant, Leser MC, Leo Otero, Alma - Academia Livre de Artes e Música, Tânia Alonso, Thais Foresto, De Lucca Circus, Alfredo Pena-Vega, Maria Adélia de Souza, Philip Fearnside, Zuenir Ventura, Alexandre Ribeiro e Manuela Salau Brasil. 

As programações vão ser transmitidas ao vivo na plataforma digital da Fundação do Livro e Leitura de Ribeirão Preto, entre os dias 25 e 27 de abril, das 19h às 23h, no palco do Instituto SEB – A Fábrica.

Confira a programação completa: 
Domingo, 25 
Tema: “Sobre as velhas utopias” 
- Filme "Pioneira Luta", de Leo Otero | a partir das 19h 
- Debate sobre o tema com Philip Fearnside (ecólogo) | a partir das 
19h30 
 
Tema: “Sobre as novas utopias” 
- Conglomerados utópicos, distópicas paisagens com Academia Livre de 
Música e Artes - Alma | a partir das 21h 
- Debate sobre o tema com Zuenir Ventura (jornalista e escritor) | a 
partir das 21h30 
 
Segunda-feira, 26
Tema: “A utopia realizada” 
- Cidade das Mulheres com Tânia Alonso e Thais Foresto (contadoras de 
histórias) | a partir das 19h 
- Debate sobre o tema com Alexandre Ribeiro (escritor) | a partir das 
19h30 
 
Tema: “A maior das utopias” 
- Devaneios com De Lucca Circus | a partir das 21h 
- Debate sobre o tema com Manuela Salau Brasil (assessora da Incubadora 
de Empreendimentos Solidários) | a partir das 21h30 
 
Terça-feira, 27
Tema: “Necessidades poéticas do ser humano – Utopia?” 
- Vozes Bússolas: Poesia como arte do risco com Coletiva Sarau 
Disseminas e Ni Brisant (educador e escritor) | a partir das 19h 
- Debate sobre o tema com Alfredo Pena-Vega (professor e pesquisador do 
Centre Edgar Morin) | a partir das 19h30 
 
Tema: “Por uma outra globalização – Entre utopias e distopias” 
- Show Do lado de cá com Leser MC (músico e produtor cultural) | a 
partir das 21h 
- Debate sobre o tema com Maria Adélia de Souza (professora 
universitária e geógrafa) | a partir das 21h30 
 


Fonte - Revide
Fonte de imagem - Revide