Secretários de Estado discutem situação da pandemia em Franca

06 - 08 - 2020- Franca

Franca Franca

Dois Secretários do Estado de São Paulo, Jean Gorinchteyn e Marco Vinholi, respectivamente da Saúde e do Desenvolvimento Regional estiveram em Franca nesta terça-feira, a convite dos prefeitos que integram o recém formado Comitê Regional de Enfrentamento da Covid-19, para verificação ‘in-loco’ da situação e buscar alternativas de frear a disseminação do vírus. Dois momentos marcaram a visita, iniciada com um encontro com mais de uma dezena de prefeitos da região no Parque Fernando Costa, onde o prefeito Gílson de Souza deu as boas vindas aos Secretários e expôs resumidamente as preocupações existentes, especialmente quanto a infraestrutura hospitalar.

Os secretários, tanto Vinholi quanto Gorinchteyn, enalteceram pelas informações que tinham, as ações de todas as Prefeitura cada uma ao seu modo e com suas estruturas, atuando com firmeza no sentido de conscientizar a população a fazer sua parte, mantendo o distanciamento, usando máscara e adotando medidas de higiene redobradas. E pediram que o êxito desses esforços está na união de todos, pois a guerra é contra um vírus invísivel mas de impacto fulminante se cada cidadão não se cuidar e fizer a sua parte.

Sinalizaram com a possibilidade no curto prazo, da instalação de novos 35 leitos em municípios da região, já autorizados, o que de certa forma estará desafogando a demanda hoje concentrada em Franca, onde o número de leitos está em seu limite máximo. Deixaram claro também, o esforço para melhorar o quadro regional e consequentemente a classificação da cidade no Plano SP, onde está hoje no Vermelho.

Na Santa Casa

Depois do encontro no Parque Fernando os dois secretários, acompanhados pelo prefeito de Franca se deslocaram para a Santa Casa, onde foram conhecer a estrutura hospitalar daquela instituição, aprofundando o diálogo sobre suas necessidades e maior apoio do Governo Estadual. O secretário de Saúde Jean Gorinchteyn confessou que era a primeira vez que vinha a Franca e se sentia muito confortável pela acolhida e com a bela estrutura da cidade.

Durante a conversa com o corpo diretivo da Santa Casa, foram pontuados diversos itens das limitações, considerando o público que ela acolhe dos 22 municípios da região. Foi pedido ao Estado autorização o mais breve possível para transformar 10 leitos clínicos em UTI-Adulto, o que foi recebido de forma positiva e terá encaminhamento prioritário a nível de Estado. O prefeito Gílson de Souza já se dispôs a assumir, nesse processo, através da Prefeitura, o custeio desses 10 novos leitos, elevando para 37 o número de leitos de UTI SUS na cidade, a exemplo do que foi feito recentemente, onde a Prefeitura pagou pela manutenção, por 3 meses, de 10 dos 27 leitos de UTI SUS que estão disponíveis na Santa Casa (22 em funcionamento e os 5 restantes estão em fase final de instalação e serão entregues até este final de semana, segundo informações da diretoria da Santa Casa).


Fonte - Prefeitura de Franca
Fonte de imagem - Prefeitura de Franca