Restrições são anunciadas em Franca, até transporte público está suspenso

19 - 03 - 2021- Franca

Franca Franca

Transporte público suspenso, lotéricas, bancos e estabelecimentos comerciais fechados, este será o cenário em Franca a partir da próxima segunda-feira (22). Essas e outras medidas foram anunciadas em entrevista coletiva pelo prefeito Alexandre Ferreira, no início da noite desta quinta-feira (18). As normas valerão até o dia 30 de março.

O comércio em geral poderá realizar apenas delivery, sem qualquer tipo de atendimento presencial e com o limite de horário, das 9h até às 18h.

Bares e restaurantes poderão trabalhar com as portas fechadas e apenas por delivery 24h. Já os supermercados poderão abrir 24h mas com o limite máximo de 50% da capacidade, o fluxo de clientes deverá ser controlado. As farmácias também podem abrir 24h e com a mesma regra de capacidade.

A administração pública trabalhará por home office, apenas os serviços essenciais da prefeitura permanecerão abertos.

As lojas de materiais de construção e casas agrícolas, consideradas essenciais também trabalharão apenas por delivery, o atendimento presencial segue proibido.

As padarias, mercearias, armazéns, açougues vão atender presencialmente com o horário reduzido, das 5h até às 20h, mas o delivery será permitido por 24h. O consumo nestes locais seguirá não autorizado.

As feiras livres por causarem grandes aglomeração estarão proibidas a partir da vigência do decreto no dia 22.

Confira outras medidas adotadas:

* Igrejas- Apenas transmissão pela internet (sem presença de fieis, mas elas ficarão abertas durante o dia para atendimento particular)

* Eventos, convenções, atividades culturais- proibidos

* Salões de Beleza, Barbearias- proibidos

* Escolas (rede pública e particular) – atividades apenas online

* Esportes coletivos, academias, eventos esportivos- proibidos

* Clubes e parques- fechados

* Praças públicas- aglomerações proibidas assim como jogos de tabuleiros e cartas

* Postos de combustíveis- abertos das 5h até às 20h

* Transporte público suspenso- particulares seguem autorizados (aplicativos, táxi e mototáxi)

* Indústria- atividade autorizada

De acordo com o prefeito, a taxa de ocupação dos leitos de UTI na DRS de Franca está atualmente em 85%, mas para ele a tendência é a de aumento na ocupação, já que os pacientes estão ficando por mais tempo nos leitos.

Ainda na coletiva, Ferreira afirmou que pediu ao Estado mais oito leitos de UTI na cidade, mas não existe um prazo para que eles sejam abertos.

“Essas medidas são para prevenir um colapso na saúde pública e também na privada. Vamos trabalhar buscando equilíbrio, seguindo os protocolos sanitários para que as pessoas não morram sem atendimento”, finalizou.


Fonte - Revide
Fonte de imagem - Revide