Trânsito na Avenida Alonso y Alonso será interditado a partir de hoje

23 - 09 - 2020- Franca

Franca Franca

A Prefeitura já deu início nesta terça-feira as obras de interligação de um sistema de galerias em trecho da Av. Dr. Ismael Alonso y Alonso, comprometendo o trânsito naquela região que inicialmente ficou restrito a meia pista.

De acordo com a Secretaria de Segurança e Cidadania, a partir dessa quarta-feira está autorizada a interdição e o desvio na altura da rua Gildo de Castro Oliveira, através da qual os condutores que estiverem fazendo o sentido centro – Champagnat, deverão subir até a rua Dr. Júlio Cardoso e descer para chegar novamente a Champagnat.

Avaliações dos técnicos na tarde dessa terça-feira ‘in-loco’, sinalizavam com a possibilidade da continuidade das obras previstas sem a necessidade da interdição total da pista da Av. Alonso y Alonso, o que será melhor observado no momento.

Tudo vai depender do comportamento do trânsito e da evolução dos serviços. Se for possível manter meia pista isso será feito, apenas com fechamento e ocasiões pontuais se for o caso.

Essa intervenção para substituição e interligação de galerias está sendo necessária em razão da perfuração de uma estaca-raiz projetada para o meio da faixa de rolamento onde será construída uma segunda ponte (de retorno).

A opção de manter o tráfego com restrições e meia pista objetiva evitar transtornos maiores no sistema viário.

Mas as orientações das autoridades de trânsito, com interdição total ou parcial aos motoristas em geral, é que evitem trafegar pelas imediações nestes próximos dias e procurem caminhos alternativos.

Nessa Avenida circulam especialmente os ônibus com destinos a outras cidades, que teriam dificuldades de realizar as manobras no trecho alternativo indicado, pela rua Gildo de Castro Oliveira.

A restrição de circulação na rua Dr. Jairo Amâncio de Castro está mantida, com exceções apenas para quem reside ou está estabelecido no local.

A previsão é que essas obras programadas pela Prefeitura sejam concluídas até a sexta-feira, quando então o trecho voltaria a ter a circulação de veículos liberada sem restrições.

 


Fonte - Jornal da Franca
Fonte de imagem - Jornal da Franca